Entre uns bitaites e umas postas de pescada há pessoas que vêm bergar a mola

Muitos dos participantes do WordCamp do Porto são da área do Grande Porto, portanto, este texto, para eles, soa como estando para aqui a arrotar postas de pescada.

No entanto, muitos outros chegam de outras paragens do país e podem sentir-se intimidados com alguns bitaites que podem escutar, no evento ou na rua.

Venham ou não de cú tremido, o WordCamp é um espaço de convívio, boa disposição mas também é para bergar a mola.

Não queremos que ninguém se sinta excluído e, por isso, dê de frosques quando alguém lhe disser bai no batalha ou falar em tanga.

Daí apresentarmos um pequeno dicionário de regionalismos para apreciar enquanto bebe um cimbalino.

Ah, não esquecer que, em Novembro, no Porto, costuma estar algum grizo e convém trazer o chuço.

calao porto wordcamp

Esta entrada foi publicada em Notícias com as tags , . ligação permanente.

Os comentários estão fechados